Manual de Desmontagem e Montagem do Taurus Mod. 80 (Versão moderna)

R$15,90

  • Descrição

    Revólver Taurus mod. 80.

    Excelente manual com o passo a passo completo para a desmontagem e montagem do revólver Taurus modelo 80 e (similares) em sua versão mais moderna.

    Apostila em formato pdf, bem elaborada e fartamente ilustrada com fotos de excelente qualidade, enviada após a confirmação do pagamento bancário.

    Forma de envio: DOWNLOAD

     

     

    Sobre o Revólver Taurus RT 80 (versão moderna)

    Este revólver teve sua fabricação iniciada a partir dos anos 80, em substituição ao modelo 80 anterior que tinha um mecanismo mais complexo.

    Trata-se de um excelente revólver fabricado pela empresa gaúcha e certamente um dos modelos mais vendidos da empresa, devido não só pela qualidade do produto mas também pelo custo benefício.

    Tem capacidade para 6 cartuchos e versões com tamanhos de canos variados.

    Sobre a Forjas Taurus

    A Forjas Taurus S.A, ou somente Taurus, como é mais conhecida, uma empresa gaúcha que teve suas atividades iniciadas em 1937 como uma pequena fabricante de ferramentas e que depois da segunda grande guerra passou a construir, também revolveres, sendo que o primeiro revolver da empresa, o modelo 38101 SO, foi produzido em 1941 e tendo a produção deste tipo de arma alcançando o patamar de grande escala em 1951…

    No decorrer da historia desta importante empresa, muitas mudanças de rumo foram tomados para de adaptar a o mercado e até mesmo, políticos como na década de 60 quando em decorrência do golpe militar ocorrido em 1964, houve um aumento das regras e da burocracia para o comercio de armas de fogo no país, em que acabou comprometendo a saúde financeira da Taurus, ainda com pouca chance de competir no mercado internacional.

    Nesse período a Taurus acabou tendo parte de suas ações vendidas para a Smith & Wesson, que ironicamente se tornaria uma das suas maiores concorrentes em seu maior mercado, o norte americano, em que a Taurus acabou entrando em 1982.

    Porém, voltando alguns anos, em 1977, a Taurus teve as suas ações adquiridas pela brasileira Polimetal, trazendo de volta o controle da empresa para as mãos brasileiras.

    Em 1974 uma outra empresa importantíssima no mundo das armas de fogo, a italiana Beretta, tinha assinado um contrato de fornecimento de armas para o exercito brasileiro e nesse contrato a Beretta teria que se instalar no Brasil e contratar mão de obra nacional.

    Com o fim deste contrato em 1980 a Beretta vendeu suas instalações, incluindo maquinário e projetos das armas produzidas para a Taurus.

    Esse momento pode ser considerado um dos mais importantes da historia da Taurus, pois com o seu conhecimento técnico aperfeiçoou os projetos da Beretta no Brasil e produziu as pistolas dos modelos PT-92 e PT-99 em calibre 9 mm e que foram um grande sucesso de vendas devido ao custo baixo associado a alta confiabilidade e precisão destas.

    Em 1997 a Taurus adquiriu a sua maior concorrente no mercado brasileiro, a Rossi, outra fabricante de excelentes revolveres, cuja qualidade tive o prazer de experimentar em inúmeras vistas ao clube de tiro.

    A política da Taurus em adquirir ou se associar a outras empresas apresentou outros frutos como a submetralhadora MT-40, MT-9 e as carabinas CT-30 e CT-40, cujo projeto chileno, especificamente da empresa FAMAE, foi objeto de uma parceria entre as duas industrias.

    A ultima empreitada da taurus foi ainda mais arrojada. Desta vez uma parceria entre a IMI de Israel e a empresa brasileira, permitira a montagem do moderno fuzil bullpup Tavor, já descrito aqui nesse site e que poderá vir a ser o próximo fuzil de assalto do exercito brasileiro que a algum tempo vem estudando possíveis substitutos dos cansados fuzis Imbel FAL.

  • Avaliações (0)
    Adicionar Comentário