550 MOLDES E MODELOS PARA CUTELARIA

R$16,00

  • Descrição

    Dando continuidade aos moldes e modelos para cutelarias (Vol. 1 – 950 moldes e modelos para cutelaria), lançamos mais esta nova coletânea.

    Igualmente aos outros moldes que já vendemos aqui no site, com este material você imprime e cola sobre o metal para em seguida fazer os desbastes em suas lâminas.

    Neste arquivo você também encontrará moldes e modelos para fazer

    * Facas Custom
    * Facas Militares
    * Facas de combate e defesa pessoal
    * Facas militardes,
    * Facas de uso misto e diário
    * Facas exóticas
    * Facas artesanais
    * Moldes de estrelas Ninjas (shourikens)
    * etc.

    Moldes e modelos diferentes dos apresentados no Vol. 1 (950 moldes e modelos para cutelaria).

    Imprima os moldes, cole sobre a lâmina de metal e em seguida faça os desbastes para fazer suas facas.

    Material enviado após a confirmação do pagamento bancário.

    Forma de envio: DOWNLOAD

    Você sabia?

    Cutelaria, armiaria ou armoaria é a arte ou ofício do cuteleiro ou cutileiro, armiário, armoário ou acerador, ou seja, a pessoa que fabrica ou vende instrumentos de corte.

    São produtos da cutelaria, portanto, espadas, adagas, facas, facões, machados, punhais, navalhas ou seja, todos utensílios metálicos de corte e/ou perfuração.
    Cutelaria artesanal

    A definição empírica de cutelaria artesanal diz que se trata do ramo da cutelaria praticada principalmente com o esforço e a habilidade artística manual, sem grande auxílio de máquinas operantes senão no básico, sem a produção em larga escala, repetida ou de comando computadorizado. Há diversos cuteleiros artesãos no Brasil, que produzem material de excelente qualidade, sendo reconhecidos internacionalmente, a exemplo de Rodrigo Sfreddo, que em 2009 recebeu pela American Bladesmith Society o título de Master Smith, o primeiro da América Latina. Na ocasião, Sfreddo empatou duas de suas peças em primeiro lugar e foi premiado com o B.R. Hugues Award, concedido à melhor faca submetida a julgamento pelos aspirantes ao título.

    Na cutelaria, como nas artes, a produção artesanal, mesmo quando diminuta, tem status de artigo de luxo, único, sendo que, contrariamente à indústria em geral, há uma tendência ao trabalho artesanal da parte da maioria dos cuteleiros nacionais atualmente, onde o avanço em maquinaria é visto com maus olhos (“a máquina não apresenta a qualidade e esmero que o artesão dedica”).

    Cutelaria como manufatura artesanal
    É a baseada em ações sequenciais para a confecção de uma lâmina, sendo feitas por vários artesãos cada qual com sua especialidade.

    Cutelaria como manufatura industrial
    É a feita em ações sequenciais para a confecção de uma lâmina, sendo feitas por vários artesãos cada qual com sua especialidade.

    Cutelaria industrial
    É a que atinge larga escala de produção, utilizando métodos e máquinas com automação e produção seriada.

    No Brasil é possível encontrarmos algumas marcas famosas como a Corneta (de origem germânica), a Coqueiro (cujo logotipo é de origem belga),a Mundial e a Tramontina. Podemos também encontrar várias marcas portuguesas, um dos maiores produtores mundiais de cutelaria, com marcas como a Herdmar ou a Dalper.

  • Avaliações (0)
    Adicionar Comentário